Amigos da Montanha
Instituição de Utilidade Pública



SUBSCREVER
Newsletter
.
 
Patrocinadores Oficiais
Apoio
Sponsor Oficial de Impressão
Faz-te Sócio

6 Abril Percurso Pedestre de Pondras
Lista de Inscritos
Inscrições
Apresentação
O percurso pedestre delineado para o dia 6 de abril visitará o concelho de Montalegre, desde a ponte de Misarela até à freguesia de Pondras, junto à albufeira de Venda Nova.
Vão ser 16km pelas bonitas paisagens interior transmontano, com início na mítica ponte de Misarela que une as margens do rio Rabagão que divide as regiões do Minho e Trás-os-Montes, mais precisamente os concelhos de Vieira do Minho e Montalegre.
A ponte de Misarela sobre o rio Rabagão foi erguida na Idade Média e reconstruída no início do Séc. XIX. Encontra-se classificada como “Imóvel de Interesse Público” desde 30 de Novembro de 1993. Segundo a lenda local esta ponte foi construída pelo próprio Diabo. Debaixo desta ponte, à qual são atribuídos poderes mágicos, sempre foram comuns práticas ancestrais ligadas à fertilidade. Mandava a tradição que quando uma mulher tinha problemas de fertilidade, se dirigisse à ponte e debaixo dela pernoitasse, na expectativa de auxílio para o seu problema. No dia seguinte, a primeira pessoa que atravessasse a ponte teria que ser padrinho ou madrinha da criança, à qual seria posto o nome de Gervásio, se rapaz viesse ao mundo, ou de Senhorinha, se de rapariga se tratasse.
Esta ponte foi também palco de um combate entre as tropas francesas, que retiravam do Porto no final da II Invasão Francesa, e milicianos locais que lhes procuravam tolher a passagem, em Abril de 1809.
Depois de apreciar a beleza da ponte no contexto da paisagem agreste, o percurso segue caminhado pela via romana em direção a Pondras, com passagem pelos lugares de Vila Nova e Pardieiros, seguindo a par da conduta que transporta a água da barragem de Paradela para a central velha de Vila Nova. Já em Santa Marinha salienta-se como curiosidade o facto de ao lado da igreja, as tampas das campas antigas se encontrarem dispostas em cima de um muro. Pelo caminho, passagem pelos lugares de Nogueiró, Sacoselo e São Fins, apreciando uma vista privilegiada sobre o rio Cávado, o aglomerado de casas que parece que foram plantadas no meio dos campos verdes e formam uma paisagem de mosaicos de cores, os carvalhais, os ribeiros, o gado do barroso e ainda a barragem de Venda Nova. Destaque, também, para os prados de lima, sistema de irrigação tradicional em que a água escorre continuamente pelos prados formando uma espécie de lâmina fina. Este tipo de rega permite manter uma temperatura nos prados que impede a formação de gelo no inverno, sendo, pois, uma estratégia de uso do solo bem adaptada às condições climatéricas. Localmente, diz-se que a água "lima" estes prados, daí o nome.

No final do percurso, em parceria com a Associação Pondras em Movimento, haverá um lanche reforçado, com fêveras e caldo verde, para recuperar forças depois da bela caminhada.

Percurso Pedestre Pondras - 6 abril 2019




« Voltar
INSCREVER-ME
© Copyright2020 Amigos da Montanha. Todos os direitos reservados.
Instituição de Utilidade Pública (Diário da República nº 138 2ª Série de 18 Julho 2008)



Utilizamos cookies para poder oferecer-lhe um melhor serviço no nosso espaço web. Ao continuar a navegar no nosso website autoriza a utilização das cookies. 
Saiba mais.
Aceitar